Site da ANVISA com soluções de erros conhecidos:

http://portal.anvisa.gov.br/sngpc/perguntas-frequentes

Configurações

Para que possamos realizar as movimentações no SNGPC precisamos primeiramente cadastrar algumas
informações.
Vá até o menu do SNGPC em conectividade.

Em “Configuração”:

Deve ser inserido o “CPF do Responsável Técnico da loja”:

Número da licença de funcionamento da loja.

Nome do responsável técnico.

O “Código do balanço” deve ser mudado antes de gerar outro balanço.

SNGPC – Sistema Nacional de Gerenciamento de Produtos Controlados (utilização)

Cadastro de produtos SNGPC

1º Todos os medicamentos que farão parte do SNGPC tem que estar no grupo controlados que deve ser de código
111, portanto no cadastro de produtos deve ser criado o grupo controlados de código 111 e adicionado os produtos
controlados nesse grupo.
2º Todos os medicamentos que vão para a ANVISA devem ter classe terapêutica.
O campo classe terapêutica se encontra no cadastro de produto em listagem > Classificações especiais > Classe Terapêutica.
Deve se colocar:

1 – Para antimicrobianos;
2 – Para controle especial.

Essas informações são um requisito para a exportação do inventario e das movimentações, sem isso será
apresentado erro na exportação.

Também deve-se preencher o código da receita, para gerar relatórios internos do sistema no SNGPC:

SNGPC – Tabela de valores válidos para os campos DCB, TP Receita e Classe Terapêutica

SNGPC

As funções do SNGPC se encontram em Conectividade > SNGPC.

Registro MS
Todos os medicamentos controlados possuem Registro MS, que se localizam na caixa do medicamento. Antes de fazer qualquer movimentação com o medicamento é preciso cadastrar o seu registo MS.

Para isso Clique em “Registro MS
1° Localize o medicamento


2º Digitar o registro MS do medicamento.

3° Após digitar todo o código clique na seta ao lado.


4° Com isso o medicamento terá o registro MS cadastrado.
Obs.: Esse procedimento deve ser realizado para todos os medicamentos controlados.

Entrada de medicamento

Nessa opção é realizada a entrada dos medicamentos;

Inventario inicial
Para as farmácia que estão iniciando o funcionamento no SNGPC é necessário realizar um inventario inicial. Para
isso siga os passos abaixo.
1º Para o inventario inicial utilizar o número da nota fiscal 1234.


2° Insira o código de barras do medicamento

3° Deve-se inserir o lote do medicamento, que se encontra na própria caixa do medicamento. Para tornar o processo
mais rápido o sistema armazena os lotes já inseridos. Clicar em Ok após inserir o lote.


4° As informações do Medicamento são puxadas e apresentadas nos campos. Nesse momento é possível inserir a
quantidade desse medicamento, do mesmo lote. Após inserir a quantidade, clicar em “incluir“.
Obs.: Não pode ser somado a quantidade do mesmo medicamento em lotes diferentes. Caso haja um mesmo medicamento, porém contendo lote diferente, precisa ser lançado separadamente.

5º Caso seja um inventario inicial clique em “Sim”.


6° Nesse momento o sistema pergunta se desejamos pular as confirmações. Caso seja clicado em “Sim” o sistema
passará a trabalhar de forma mais ágil sem realizar perguntas.


7° Para continuar a incluir os outros produtos é só repetir os passos acima até o final do inventario.

Etiqueta Avulsa

O Sistema de SNGPC desenvolvido pela Autocom3 possui um método mais eficiente e prático que minimiza os
erros que podem ser cometidos nas entradas de medicamentos e de digitação de receitas que é a “Etiqueta”.

Essa etiqueta funciona da seguinte forma.

1º Clica-se em “Etiqueta Avulsa”.
2º Deve ser Inserido o Código EAN do Medicamento e logo em seguida o lote.


3° Com isso será gerado um novo código que deve ser impresso em uma impressora de etiqueta e colado em cada
medicamento.
Dessa forma toda vez que for feito uma entrada de medicamento ou um inventario não precisa digitar o código de
barras o produto e o seu lote, porque o novo código já traz essas informações.
De forma parecida funciona as vendas com retenção de receitas que onde medicamentos controlados deve ser
escrita no verso da receita o lote e o medicamento que está sendo vendido, no caso das etiquetas seria apenas
retirado a etiqueta do, medicamento e colado na receita. Nesse caso a vantagem esta que não haverá erro de escrita
ou mau interpretação da letra onde pode ser confundido 0 com o entre outros erros que podem ocorre.

Ativando o recurso da Etiqueta no sistema

1°Por padrão a geração de etiqueta vem desmarcada para habilitar siga os passos:

Diversos > Segmento(Farmácia) > marca como “sim” Utilizar etiqueta de lote e por fim “Gravar“.

Digitação de receita

Todas as venda de medicamentos controlados devem ter retenção de receita, e devem ser anotado atrás da receita o
medicamento vendido com o seu lote.
Ao final do dia o no início do dia deve ser feito a digitação da receita no sistema para isso siga os passos abaixo:
1° Clicar em “Digitação de receitas”.
2º Será aberto um formulário para ser preenchido, todos as informações contidas nesse formulário são de
conhecimento dos farmacêuticos, além de já estarem nas receitas.

3º Após preencher todos os compôs é necessário incluir os medicamentos que foram vendido. A inclusão dos medicamentos funciona da mesma forma que da entrada de medicamento. Inseri o código do produto
ou pesquisa.

4º Inseri ou escolhe o lote do medicamento e clique em “OK“.

5º Após ter os campos preenchidos clique em “incluir“.

6º Caso tenha mais medicamentos para serem incluídos clique em “Sim”. Com isso é só repetir o processo par aos
outros medicamentos ao termino clicar em “não”.

Saída por transferência

Caso a empresa possua mais de uma loja e possível transferir os medicamentos entre lojas.
Para realizar esse procedimento siga os passos abaixo:
1º Clique em “Saída por transferência”.
2º Insira o número da nota e o CNPJ de Destino.

3º Realizar a inclusão dos medicamentos que serão transferidos:

4º Inseri ou escolhe o lote do medicamento e clique em OK“.

5º Após inserir o medicamento que será transferido clique em “incluir”.

6º Caso tenha mais medicamentos para serem transferidos cliquem em “sim” caso deseja encerra a transferência
clique em “Não”.

Com isso os ficara gravado no SNGPC que foi realizado a transferência do medicamento.

Saída por perda

Em saída por perda podemos registrar no SNGPC, os produtos que são perdido por diversos fatores como:

  • Vencimento;
  • Vigilância sanitária;
  • Roubo;
  • Avaria;
  • Recolhimento pela Anvisa.

Para registra uma saída por perda no SNGPC siga os passos:
1º Clique em “Saída por perda”.
2º No Caixa de seleção escolha o motivo:

3º Insira o medicamento no qual foi perdido junta mente com o seu lote.

4º Após ter o medicamento selecionado clique em “incluir”.

5º Caso deseje incluir mais produtos clique em “SIM” coso contrário clique em “Não”.

Consultar, alterar ou remover lançamentos

Em “Consultar, alterar ou remover lançamentos” podemos conferir todos os lançamentos feitos no SNGPC, incluído as transferência, perdas, receitas e os lançamentos.
Para consultar os lançamentos ou alterar siga os passos a baixo:
1º Clique em “consultar, alterar ou remover lançamentos”.
2º Clique em “exibir consultar”.

3º Na lista e possível ver todos os lançamentos e o tipo junto com as informações do produto.

4º Para alterar o um lançamento selecionamos um da lista e clicamos em “Alterar”.

5º Depois de realizar as alterações clicar em “Gravar”.

6º Para excluir um lançamento seleciona um lançamento e clica em “excluir“.
Obs.: Os Lançamentos excluídos ficaram em vermelho.

Produtos que não vão para a Anvisa.

Nessa opção podemos informa os medicamentos que a Anvisa ainda não tem conhecimento ou são rejeitados, dessa
forma quando for feita exportação para Anvisa os medicamentos que forma cadastrada nessa opção não serão
exportados.
Para cadastrar os medicamentos que não vão para a Anvisa siga os passos abaixo:
1º Clique em “Produtos que não vão para ANVISA”.
2º Clique em “Incluir”.

3º Digite o registro MS do medicamento que não vai para a ANVISA e depois clique em “salvar”.

4º Para saber se o medicamento é de conhecimento da ANVISA utilize o link abaixo que redireciona para o site da
ANVISA.
Caso a empresa tenha mais de uma loja e possível exporta uma lista com todos os medicamentos que não vão para
a ANVISA e importar na outra loja.

Gerar e gravar o balanço anual de controlados

A cada novo balanço realizado deve ser gerar e gravar o banco para que os saldos dos medicamentos sejam
atualizados. Para realizar esse procedimento siga os passos abaixo:
1º Clique em “Gerar e gravar o balanço anual de controlados”.
2° A seguinte janela será aberta , escolha o exercício e marque a caixa se necessário após isso clique em “OK”.

3º Com isso o Balanço será Gerado e gravado.
Obs.: lembre-se que a cada Balanço e necessário alterar o código do Balanço em “Configurações”.

Balanço atual

Em balanço atual podemos ver um relatório com todos os medicamentos que deram entrada no SNGPC e suas
quantidade por lote e total na loja.
Para exibir o relatório siga os passos abaixo:
1º Clique em “Balanço Atual”.
2º Uma mensagem perguntando se desejamos ocultar o saldos zerados será apresentado , caso deseje ocultar
clique em “Sim” caso contrario “Não”.

Exportação

As movimentações do SNGPC devem ser enviadas para a Anvisa , para isso deve se exporta os movimentos e os
inventários.
Para exporta os arquivos siga os passos abaixo:
1º Cliquem em “Exportação
2º Para o inventario inicial deve se usar a última opção “Exportar inventario com base no SALDO ATUAL

3º Insira a data que está sendo enviado o inventario e cliquem “Exportar Inventario”.

4º Escolha um local para salvar o arquivo.

5º Depois de salvar o arquivo o farmacêutico deve enviar o arquivo para ANVISA através do seu e-mail e senha.
Para facilitar a exportação do arquivo clique no link “Website da Anvisa” que irá redirecionar direto para o site da
ANVISA.

Print Friendly, PDF & Email