Alerta Fiscal

“A MULTI FISCAL GROUP é uma empresa de soluções fiscais e tributárias que reúne de maneira integrada um conjunto de soluções para auxiliar as empresas de varejo na difícil tarefa de manter suas informações e obrigações fiscais atualizadas e corretas”.

Site: http://www.alertafiscal.com.br/

Layout : Clique aqui para acessar o layout de integração

Resumo

Em resumo, o autocom3 faz a integração com a alerta fiscal e recebe os dados de tributação fiscal dos produtos. Estes dados foram analisados e criados pela Alerta Fiscal, sendo assim, o cliente poderá, no autocom3, comparar o cadastro fiscal de seus produtos, alterá-los conforme a alerta fiscal sugere, ou não alterá-los se preferir.

Vale ressaltar, que a Alerta fiscal entrará em contato com o cliente e solicitará uma extração de dados (Produtos) em XLS ou CSV, com base nesse procedimento foi desenvolvido, também, uma função de extração de dados para facilitar o processo. A extração no autocom3 ocorre em CSV, pois CSV não tem limite de itens ao contrário do XLS.

Requisitos:

  • O cliente deve possuir Id e Token de login Alerta Fiscal.

Integração com a Alerta Fiscal

Configuração

Vá em “Iniciar -> Configurações -> Configurar Sistema”;

Clique na imagem para ampliar

Clique em “Diversos“, e abra a aba “Alerta Fiscal“. Após isso, digite o ID e Token do cliente e clique em “Gravar“;

Clique na imagem para ampliar

O sistema irá fechar automaticamente, abra-o novamente após isto.

Abrindo a Integração

Vá até “Conectividade“;

Clique na imagem para ampliar

Abra “Outras Importações“;

 

Clique na imagem para ampliar

Na janela de Outras Importações, abra “Integração Alerta Fiscal“;

Clique na imagem para ampliar

Abrirá a “Integração Alerta Fiscal“;

Clique na imagem para ampliar
  1. Extração dos dados em CSV – Opção para exportar todos os produtos em CSV.
  2. 1. Buscar as mudanças para aprovação – Faz o download das alterações fiscais dos produtos para análise do cliente.
  3. 2. Mostrar Recurso de Busca automática – Mostra as alterações baixadas pela rotina automática que busca as alterações dos produtos analisados pela alerta fiscal.
  4. Avaliar as classificações recebidas da Alerta Fiscal (Aceitar/Denegar) – Abre a tela onde é possível visualizar a lista de produtos que foi baixada e fazer análise dos dados para aceitar a modificação fiscal ou não dos itens.
  5. Exibir o status do meu cadastro – Abre a tela (com gráfico) para analisar o percentual de produtos que já foram modificados utilizando a assessoria da Alerta Fiscal.
  6. Auditoria completa – Foi desenvolvido uma tela de auditoria, para análise de todos os itens que sofreram modificação fiscal utilizando a assessoria ou que foram modificados manualmente em algum momento.

 

1. Extração dos dados em CSV

Clique na opção 1 Extração dos dados em CSV.

Clique na imagem para ampliar

Escolha o local que deseja salvar o arquivo CSV e clique em “Salvar“;

Observe que o arquivo é criado, por padrão, com o nome da empresa ali representado por “grupo empresarial”, data e hora que foi gerado o arquivo.

Clique na imagem para ampliar

O sistema carregará os arquivos e exibirá o aviso de conclusão, informando o local que o arquivo se encontra e o seu respectivo nome.

Clique na imagem para ampliar

 

O arquivo gerado irá seguir o schema:

codchave c(10),;
eanprod c(14),;
flag_cod_interno c(10),;
setor c(30),;
nomeprod c(100),;
vendas_qtd n(17,3),;
vendas_pmc n(17,2),;
vendas_pmv n(17,2),;
ncm c(8),;
pis_aliq n(8,3),;
cof_aliq n(8,3),;
cst_piscof_sai c(3),;
cst_piscof_ent c(3),;
nat_piscof c(3),;
icms_aliq n(8,3),;
icms_cst_sai c(3),;
lista c(15),;
icms_st c(3),;
cesta_basica c(3),;
importado c(3),;
isento c(3),;
diferido c(3))

2. Buscar as mudanças para aprovação

Conceito importante:

As mudanças para atualização significam baixar no sistema da empresa TODAS AS MUDANÇAS que são disponibilizadas pela equipe da Alerta Fiscal.  Há um limite de apenas 500 consultas por dia, sendo assim, nosso sistema tem um mecanismo de realizar consultas progressivas até que a totalidade das consultas sejam atingidas e todas as mudanças sugeridas pela alerta fiscal fiquem disponíveis à empresa de nosso cliente.

Nosso mecanismo funciona da seguinte maneira:

Digamos que no dia 26/02, a alerta fiscal disponibilize 7.000 itens para download.  Nosso sistema começa com a data do dia 26/02, baixa até o limite permitido pela alerta fiscal (500) e deixa à disposição da empresa para os tratamentos de ACEITE/DENEGAÇÃO.  Como ainda restam 6.500 itens para download, nosso sistema não incrementa a data, continua buscando mudanças do dia 26/02 em diante e recebe no dia seguinte outros 500 itens para download.  Já baixamos neste caso 1000 itens e deixamos à disposição da empresa para ACEITE/DENEGAÇÃO.  Assim, nosso sistema continua dia a após dia baixando o limite disponível pela alerta fiscal até atingir o número total de itens disponíveis para download.  Somente quando atinge o total de itens nosso sistema incrementa a data para dia 27/02 em diante, e assim segue dia após dia buscando sempre trazer a totalidade de sugestões tributárias enviadas pela equipe da Alerta Fiscal.

Segue exemplo:

Data Itens disponíveis Itens Baixados Saldo a baixar Nova data
26/02 7.000 500 6.500 Mantém 26/02
27/02 7.000 + 500 6.000 Mantém 26/02
28/02 7.000 + 500 5.500 Mantém 26/02
01/03 7.000 + 500 5.000 Mantém 26/02
02/03 7.000 + 500 4.500 Mantém 26/02
03/03 7.000 + 500 4.000 Mantém 26/02
04/03 7.000 + 500 3.500 Mantém 26/02
05/03 7.000 + 500 3.000 Mantém 26/02
06/03 7.000 + 500 2.500 Mantém 26/02
07/03 7.000 + 500 2.000 Mantém 26/02
08/03 7.000 + 500 1.500 Mantém 26/02
09/03 7.000 + 500 1.000 Mantém 26/02
10/03 7.000 + 500 500 Mantém 26/02
11/03 7.000 + 500 0 Muda para 27/02

Se a alerta fiscal incluir mais itens durante estes dias, não tem problema, o sistema também entenderá novos ingressos de produtos e manterá essa mesma estrutura de download até encerrar todos os downloads de classificações.

A alerta fiscal somente disponibiliza consultas dos últimos 15 dias, por isto é importante que este processo seja automatizado para que a empresa não perca nenhum item disponibilizado pela alerta fiscal.

Apenas para acompanhar o processo, disponibilizamos na tela do aplicativo as funções para uma baixa manual ou acompanhamento de como está a tarefa automatizada, sendo que o recomendado é que deixe o sistema realizar isto de forma automática.

Procedimento

Coloque a data de consulta e clique na opção 2.1 – “Buscar mudanças para aprovação“;

Clique na imagem para ampliar

O sistema trará a informação final de quantos produtos ele trouxe para atualização.

Clique na imagem para ampliar

 

3. Avaliar as classificações recebidas da Alerta Fiscal (Aceitar/Denegar)

Nesta opção você verifica todos os produtos que foram baixados da base da alerta fiscal e poderá escolher qual deseja aceitar as configurações de alterações fiscais ou não.

Clique em 3 – Avaliar as classificações recebidas da Alerta Fiscal (Aceitar/Denegar);

Clique na imagem para ampliar

Abrirá a tela de Classificações, como na tela abaixo:

Clique na imagem para ampliar

É possível utilizar filtros, por exemplo:

Clique com o botão direito do mouse sobre o nome “produto” e clique em “procurar/filtrar”;

Clique na imagem para ampliar

O filtro abrirá e você poderá filtrar apenas os produtos que deseja:

  • 1 – Escolha o tipo de filtro;
  • 2digite o que busca ;
  • 3 – Pressione Filtrar.
Clique na imagem para ampliar

Efetuei um filtro apenas para procurar refrigerante na minha lista.

Dê um clique no produto para selecioná-lo, clique na lupa para analisar as mudanças.

Clique na imagem para ampliar

Abrirá a tela de Sugestão Fiscal.

  • Tabela do lado esquerdo: Dados que estão cadastrados no sistema;
  • Tabela do lado direito: Sugestão Alerta Fiscal;
  • Em vermelho: Alterações sugeridas pela Alerta Fiscal.
Clique na imagem para ampliar

Após analisar o produto, feche a tela de sugestão fiscal e marque a caixa aceitar (se desejacaceitar a sugestão) ou marque a caixa denegar (se não deseja aceitar). Clique em “Processar” para aplicar as alterações.

Clique na imagem para ampliar

Receberá a seguinte mensagem contendo a quantidade de aceites e denegador que serão processador:

Clique na imagem para ampliar

Ao confirmar;

Clique na imagem para ampliar

Obs: Se você denegar um produto ele sairá da lista de avaliação e não será mais exibido, porém se você se arrepender e quiser voltar esse produto para a lista, basta ir em 5 – Auditoria completa e verá os produtos (marcados em vermelho) que estão denegados.

Selecione o produto que está em vermelho (denegado) e clique em “Recolocar para classificação”;

Clique na imagem para ampliar

 

4. Exibir status do meu cadastro

Abra a opção 4 para visualizar a situações dos seus produtos que foram classificados utilizando a assessoria da alerta fiscal;

Clique na imagem para ampliar

Foi desenvolvido a visualização em gráfico no próprio Autocom3.

  • Tipos de gráfico: É possível mudar o tipo de gráfico;
  • Cores: Mude a cor para melhor visualização;
  • Lupa de aumento: Ela aumenta a tela do gráfico e também volta a tela normal;
  • Exportar em excel: É possível exportar para excel;
  • Classificados: Percentual de produtos que foram alterados com a ajuda da integração alerta fiscal;
  • Não classificados: Percentual de produtos que ainda estão sem análise.
Clique na imagem para ampliar

5. Auditoria Completa

Nessa tela é possível ver todos os produtos que sofreram alteração fiscal utilizando a assessoria da alerta fiscal ou não.

Clique na imagem para ampliar

Na tela de auditoria, além da visualização de produtos que sofreram modificações, data do evento, também é possível recolocar um produto denegado de volta a classificação, excluir a classificação que ele sofreu e visualizar os detalhes.

Clique na imagem para ampliar

Com o botão direito do mouse sobre o nome da coluna é possível utilizar filtros.

Por exemplo, ao clicar com o botão direito do mouse sobre o nome “Produto”;

Escolha a opção: “Procurar/filtrar“.

Basta deixar marcado o que deseja ver na lista e clique em “Filtrar“, ou utilize outras opções do filtro, como digitar o nome do produto em específico, ou início do nome e etc.

Clique na imagem para ampliar

Cadastrando novos produtos utilizando a Alerta Fiscal

O cadastro de novos produtos pode ser feito com auxilio do alerta fiscal dentro do próprio Autocom3. A sugestão tributária pode ser consultada tanto pelo EAN (Código de barras do produto) quanto pelo NCM. Em casos que o produto não tem EAN, a consulta é feita pelo NCM.

Vá até “Cadastros“;

Clique na imagem para ampliar

Clique em “Produtos“;

Clique na imagem para ampliar

Por NCM:

Clique em “Incluir“;

Clique na imagem para ampliar

Digite o NCM do produto e digite também o nome do produto em “Descrição”, clique na lupa dourada.

Clique na imagem para ampliar

Será exibido o NCM e a categoria de produtos que o NCM se enquadra, além da analise da classificação fiscal. Selecione a categoria correta e clique em “Selecionar“;

Clique na imagem para ampliar

Após escolher o NCM, abrirá automaticamente a tela de sugestão fiscal, se concordar com a sugestão fiscal clique em “Aceitar“, caso não concorde, basta fechar.

Clique na imagem para ampliar

Note que ele traz o cadastro de Trib. Compra, Trib. Venda, PIS, COFINS e CEST.

Clique na imagem para ampliar

Prossiga com o restante do cadastro do produto.

Por EAN:

Digite o código EAN do produto e a Descrição do produto, depois clique na lupa dourada;

Clique na imagem para ampliar

Será exibido a tela de Sugestão Fiscal;

Clique na imagem para ampliar

Ao aceitar a sugestão você terá cadastrado Trib. Compra, Trib. Venda, PIS, COFINS, NCM e CEST.

Clique na imagem para ampliar

Prossiga com o restante do cadastro do produto.

EAN não encontrado

É possível enviar esse código EAN para a Alerta Fiscal. Clique em “Ok” na tela a baixo;

Clique na imagem para ampliar

Será exibido a seguinte mensagem de solicitação:

Clique na imagem para ampliar

Clique em “Sim” e preencha a tela seguinte tela, depois clique em “Submeter Solicitação“:

Clique na imagem para ampliar

A alerta fiscal irá analisar os dados e enviar a atualização para o cliente dentro do prazo de análise.

Obs: Só é possível solicitar cadastro de EAN. Cadastro de código interno não é feito no Alerta fiscal.

Possíveis erros

  • Tributação não cadastrada

Clique em “OK” e leia o log para ver qual o ICMS que não está cadastrado.

Clique na imagem para ampliar

Basta cadastrar a tributação solicitada a baixo:

Leia cadastro de tributação no Autocom3: https://autocom3arquivos.com.br/2018/11/26/cadastro-de-tributacoes-no-autocom3-simples-nacional-estado-rj-2/

E também tributação interestadual: https://autocom3arquivos.com.br/2017/12/13/cadastro-de-tributacao-interestadual/

Busca automática

Para que seja feito a busca automática no webservice do alerta fiscal, deve-se adicionar via ADA o formulário: gestao_autocom3_outros_importacao_alerta_fiscal_busca_automatica

ADA – Adicionando um novo formulário

Após adicionar o formulário crie um follow-up e agende para rodar após as 18:00.

Ferramenta de teste

Clique na imagem para ampliar

Link para baixar: http://www.autocom3.online/arquivos/instaladores/v6/SetupAlertaFiscaltest.exe

Baixe e instale e ferramenta de teste.

Digite ID e TOKEN e clique em Consultar NCM19012000”.

E observe os dados de retorno para verificar se trouxe os dados de mistura para biscoito.

Clique na imagem para ampliar

Também é possível preencher os dados de teste automaticamente (ID e Token).

Basta clicar no link:  “Clique aqui para preencher os dados de teste“;

Clique na imagem para ampliar

Após isso clique em Consultar NCM19012000” e leia o retorno.

 

Print Friendly, PDF & Email

Sobre o Autor